Conheça Toda a Verdade da Hipertrofia Muscular com Esse Guia

0
Hipertrofia Muscular Saiba Tudo
Hipertrofia Muscular Saiba Tudo

Hipertrofia para Iniciantes

As academias estão a cada dia mais lotada devido a nova geração que está cada vez mais preocupada com as questões de saúde e estética. Assim, o treino de musculação é a prática mais simples e mais procurada para essa mudança de estilo de vida.

Mas engana-se que a nova rotina de exercícios na academia é simples e fácil de ser seguida. Para essa mudança requer muita força de vontade e motivação.

O grande problema é o sentimento de imediatismo da maioria dos iniciantes em querer ter ganhos de massa o mais rápido possível, além de que a enorme oferta de informações sobre o assunto deixa as pessoas confusas. Assim aqui segue algumas informações básicas sobre como iniciar o treino, tipo de alimentação e suplementação para que tenha o ganho máximo possível, mas de forma adequada.

O que é hipertrofia?

A hipertrofia muscular é a resposta do corpo ao estímulo da prática de exercícios físicos, essa resposta é transcrita por meio do aumento do volume muscular e da força (considerando a força como maior resistência física). Os exercícios por meio do estresse muscular aumentam a tensão da fibra muscular e consequentemente, aumentando o volume deste.

A hipertrofia, ganho de massa muscular, ocorre quando a massa muscular faz um movimento de esforço seja de contração ou relaxamento. A contração faz com que haja a movimentação das proteínas responsáveis para o crescimento do volume de músculos, a actina e a miosina.

Há diversos fatores que influenciam na hipertrofia tais como as características intrínsecas da pessoa, ou seja, características genéticas genotípicas e fenotípicas, como  as características extrínsecas, ou seja, os hábitos que a pessoa possui tais como tipo de treino, tempo de treino, descanso, hormônios, dieta alimentar entre outros. Assim, se a pessoa procurar um profissional adequado, este irá fazer um planejamento pessoal de acordo com as características detalhadas, os objetivos serão traçados de acordo com o biótipo corporal da pessoa e os resultados serão perceptíveis mais rapidamente.

Diferença entre hiperplasia e hipertrofia

Dois termos que são facilmente confundidos são hiperplasia e hipertrofia. O primeiro trata-se de uma resposta inflamatória crônica de disfunções que ocorre em determinado tecido, assim gera o aumento do número de células. No caso da hiperplasia muscular é o aumento do número de fibras musculares, mas essa não é a forma mais efetiva para aumento do volume muscular. Já a hipertrofia é o aumento do volume das fibras musculares, por meio do inchamento das células.

Como Fazer para ter Hipertrofia?

A musculação é a forma mais eficaz para chegar a hipertrofia muscular, pois é mais rápido e os resultados são melhores. Vale ressaltar que apenas com a musculação, a pessoa não alcançará os resultados desejados, é necessário focar as energias em mudar alguns hábitos de vida para que não haja prejuízos a saúde. Assim, é importante manter uma educação alimentar equilibrada, mas elaborada por um profissional nutricionista para que os objetivos estejam alinhados aos da musculação, e também ter uma rotina de sono regular para que os músculos tenham o descanso e assim aumentem.

Academia

A academia é a primeira coisa que a pessoa precisa buscar, pois infelizmente é muito difícil ter ganho de massa expressivo apenas com flexões ou levantamento de peso. Além disso, sem a orientação de um profissional da área pode gerar algumas lesões que acarretará em problemas para o resto da vida dependendo do caso.

Treinamento

Sugere-se que os iniciantes tenham apenas três dias por semana de treinamento para que o corpo comece a acostumar com essa nova rotina de esforço e descanso sem que haja prejuízos como lesões por esforço demasiado. É válido reforçar que os músculos não crescem durante os treinos e sim durante o período de descanso, por isso é muito importante ter dias de repouso muscular. O treinamento é o momento em que ocorre o estímulo do corpo por meio do estresse do tecido muscular, e o descanso é quando há a reconstrução desse tecido. Com o passar do tempo, a pessoa irá aumentar a intensidade e a frequência dos treinos.

Tudo sobre Hipertrofia Muscular
Tudo sobre Hipertrofia Muscular

É importante ressaltar que o tempo de treino não deve ultrapassar 60 minutos, pois os altos níveis de cortisol e os baixos níveis de glicose pode fazer com que haja perda de massa muscular. No começo, algumas pessoas tem vergonha de carregar pouco peso e acabam aumentando o peso, mas não se preocupam em realizar o exercício corretamente, isso é um problema gravíssimo. Outra dica é não esquecer de alongar antes dos treinos.

Alimentação

A alimentação é uma das partes essenciais para o ganho de massa muscular, pois sem os nutrientes necessários para a recuperação do corpo não haverá a reconstrução dos músculos. É importante que a pessoa coma muito, mas não pode se alimentar de qualquer coisa, é preciso selecionar alimentos corretos, se não a pessoa irá engordar, ou seja, ganhar massa de gordura e não a magra.

O segredo é manter uma dieta hipercalórica, porém saudável. A dieta deve ser rica em proteínas de qualidade, carboidratos complexos e gorduras boas, como a dos peixes e do azeite. Em um mundo onde quase todo mundo quer emagrecer, falar de ganhar peso é quase um tabu. Por isso fica até difícil, às vezes, entender que é necessário seguir uma dieta hipercalórica para ganhar massa muscular.

Enfim…Não existe uma fórmula mágica ou um segredo quando o objetivo é o ganho de massa muscular, o que vai determinar se a pessoa vai ganhar massa muscular é a sua determinação, força de vontade e disciplina. O resultado não será nos primeiros dias ou nos primeiros meses, a pessoa deve ser persistente para esperar e colher os frutos. Apenas seguir o planejamento faz com que a pessoa tenha os resultados tão sonhados, então a pessoa deve se alimentar corretamente, não faltar os treinos e não interromper o tempo de descanso que tudo dará certo.

Gostou? Compartilhe em suas redes sociais.