Guia de Suplementos: Quando, Como e o que Tomar

0
Guia de Suplementos Quando, Como e o que Tomar

A quantidade de suplementos no mercado realmente deixa a nossa cabeça confusa. Os vendedores de lojas de suplementos vão querer te vender um combo com o maior preço que nem sempre é o que você precisa.

Para entender melhor cada suplemento, sua definição e como usar preparamos um guia de suplementos  esclarecedor.

Vamos lembrar que para os suplementos fazerem efeito de fato é preciso uma rotina de treino intensa e uma alimentação saudável. Nenhum suplemento alimentar faz milagre. Ele auxilia e acelera o processo de ganho de massa muscular, em alguns casos até ajuda a queimar gordura, mas é preciso combinar o seu uso com exercícios focados no seu objetivo e uma alimentação adequada.

Procure sempre um nutricionista e um professor de educação física para melhores orientações.

Tudo que você precisa saber sobre o Guia de suplementos!

 

Suplemento Definição Uso
Dextrose Carboidrato simples derivado do milho. Apresenta rápida absorção e libera energia para os músculos de forma imediata. Além disso, repõe a energia e o glicogênio muscular e hepático e contribui para a absorção de outros nutrientes, principalmente aminoácidos e creatina. Pode ser utilizado após os treinos. Quando utilizado na primeira meia hora do término do treino aumenta os níveis de insulina. Esta auxilia no transporte de aminoácidos para as fibras musculares.
Maltodextrina A maltodextrina é um importante carboidrato complexo que auxilia na reposição energética e do glicogênio muscular e hepático. Garante a energia necessária para a atividade. Pode ser utilizado antes, durante e após o treino para reposição de carboidratos, de modo a evitar a fadiga muscular.
Albumina Suplemento constituído totalmente pela proteína da clara do ovo (albumina) desidratada. Pode ser diluído em água ou leite e consumido após o treino.
Whey Protein Constituída por proteínas do soro do leite. Pode ser isolada ou possuir em sua composição carboidratos e lipídios. Possibilita o desenvolvimento e definição do músculo e, ainda, promove a melhora do sistema imune, o rendimento e manutenção da massa muscular. Sugere-se o consumo de uma porção diária de acordo com o peso, após o treino. Pode ser dissolvida em água, leite ou suco.
Aminoácidos de Cadeia Ramificada Em sua formulação utiliza-se aminoácidos de cadeia ramificada (valina, isoleucina e leucina), os quais diminuem o tempo de restabelecimento e recuperação muscular e reconstituem as fibras rompidas durante o treino. Dessa forma, melhora o desempenho físico e o sistema imunológico. Pode ser utilizado durante ou após o exercício. Durante a atividade física, pode aumentar a produção de testosterona e síntese protéica do músculo. E, durante ou após a atividade, promove a diminuição do catabolismo protéico e melhora a performance física e mental de atletas.
Glutamina Formado exclusivamente pelo aminoácido glutamina, o mais abundante no corpo humano. Corresponde a cerca de 60% dos aminoácidos livres no músculo esquelético e 20% dos aminoácidos circulantes. Este aminoácido ajuda no ganho de massa muscular e melhora o sistema imune. Pode ser utilizado de uma ou duas vezes por dia. Diluir uma colher de chá em água filtrada e depois completar até atingir 100ml (pode ser utilizado sucos, chá, gelatina). Depois de preparado deve ser consumido em seguida, ou mantido sobre refrigeração por no máximo 12 horas.
Barras Energéticas Apresentam quantidade considerável de carboidrato e algumas contêm também proteína. Apresenta vários sabores, dentre eles: chocolate, coco com amendoim, banana com canela e morango com baunilha. As que contêm proteína e carboidrato são indicadas para depois do exercício. Já as que contêm somente carboidratos podem ser usadas antes, durante e após.
Barras Protéicas Apresentam albumina, whey protein e outras proteínas em sua composição. Usadas preferencialmente após o treino.

 

Suplementos

O Que Você Precisa Saber Antes de Tomar Suplementos

Como o próprio nome já diz, a suplementação é uma forma de suprir a necessidade nutricional que a alimentação solida não consegue. Uma pessoa que faz atividade física regularmente tem uma necessidade nutricional bem maior do que uma pessoa com vida ativa normal.

Por isso  que é indicado os suplementos.

Os shakes que podem substituir refeição devem ser usados no máximo 2 vezes ao dia, no pós treino e em alguma refeição. Os alimentos sólidos devem ser sempre a primeira opção.

Muitas pessoas acabam só apostando nos suplementos com a esperança de que o resultado assim chegara mais rápido. É preciso cuidar da saúde e equilibrar os suplementos com uma alimentação sólida e saudável.

Ingestão de água para melhor uso de Suplementos

A hidratação é um fator muito importante na hora de suplementar. Se você costuma ver o pessoal que treina com um litrão de água para cima e para baixo não é a toa.

A água é responsável por levar os nutrientes até cada músculo, um corpo desidratado não é nada saudável e pode prejudicar até o rim. Por isso, aqueles dois litros de água por dia que temos que tomar vai ter que entrar para a listinha de metas do projeto fitness.

Se você se esquece de ingerir água, coloque despertador, use aplicativos, ande sempre com uma garrafinha ao seu lado, mas não se esqueça que para os suplementos terem o resultado que prometem, tem que beber água.

Agora ficou muito mais fácil entender quais os melhores suplementos, o que ele fazem e como ingerir, não é mesmo?

Compartilhe esse texto com os seus amigos e até o próximo post!