10 Alimentos que Funcionam como Suplementos Alimentares!

0
Alimentos que Funcionam como Suplementos Alimentares

Uma das teclas que nós aqui do blog mais falamos é sobre alimentação saudável! Não dá para querer ser “maromba” sem comer direitinho. Para fazer todo aquele suor do treino valer a pena tem que fazer boas escolhas. Sabemos o quanto é difícil seguir a risca uma dieta.

Ainda mais quando falamos em dieta para quem treina. Você já parou para pensar que os alimentos podem ser os seus suplementos?  Para te ajudar inclusive nas finanças, que não é nada fácil bancar uma suplementação. Fizemos essa lista incrível de 10 alimentos que funcionam como suplementos alimentares.

Alimentos essenciais que vão te ajudar como se fossem Suplementos Alimentares!

Ovos

Sua ingestão pode ser feita em diversas formas, como mexidos, cozidos ou omeletes. Eles possuem substâncias importantes ao desempenho, como a albumina, presente na clara, que é um aminoácido importante para formação e desenvolvimento muscular. A grande observação é que ela não deve ser consumida crua, pois possui uma substância chamada avidina, que atrapalha a absorção de alguns nutrientes.

Peixe fresco de água salgada

Peixes como atum, sardinha e badejo são excelentes fontes de iodo, contendo quatro vezes mais concentração de cálcio do que as carnes comuns. Seu baixo conteúdo de tecido conjuntivo o torna de mais fácil desintegração e digestão. Sua carne é magra e de fácil digestão em virtude da falta de tecido conjuntivo.

Banana

Possui 20% de carboidratos, vitaminas do complexo B e potássio. É ótima opção para um lanche rápido, pois é rica em energia sem ser muito calórica. Pode ser misturada, por exemplo, com cereal tipo aveia, granola, linhaça.

Leite e derivados desnatados

Possuem cálcio, proteínas de alta qualidade e vitaminas A e D, fósforo. O ideal é o consumo de duas a três porções diárias nos intervalos das grandes refeições. As versões desnatadas não possuem as gorduras saturadas de origem animal.

Cereais

Estes alimentos – como aveia, arroz integral e farinhas integrais –, compõem o grupo dos carboidratos com baixo índice glicêmico. Demoram mais para que sejam transformados em glicose no sangue e evitam o acúmulo de gordura. São ricos em energia, fibras, vitaminas e minerais, e aveia.

Azeite de oliva

É um antioxidante poderoso para quem mantém uma rotina de treinos, pois é rico em gorduras monoinsaturadas – aquelas consideradas boas e que não se acumulam em forma de gordura localizada e nas artérias. É comum que seja utilizado sobre o pão ou torradas e para temperos de saladas e hortaliças.

Oleaginosas

Neste caso,estão inclusas as amêndoas, castanhas, nozes e avelãs, por exemplo. Com 16% carboidratos, 20% proteínas, contêm proteínas de médio valor biológico e 60% de lipídeos de difícil digestão (celulose, lipídios em alta concentração). Este grupo conta com grande concentração de calorias, que raramente se acumulam como gordura localizada, desde que você consuma uma palma de mão em forma de concha ao dia.

Batata-doce

A queridinha de quem frequenta as academias ou pratica algum tipo de atividade física, esse tubérculo contém 20% de glicídios, mas é bastante rico em fibras. Sua liberação de energia no sangue é mais lenta do que os outros tipos de batata e, por isso, é tão usada no meio esportivo. Ela também é rica em vitamina A e possui muitas outras vantagens à saúde.

Batata doce

Substitua o seu Suplemento por alguns alimentos, confira!

Substitua Whey Protein por ricota light

O queijo é produzido a partir do soro do leite, matéria-prima do suplemento Whey Protein. Uma fatia média garante 5 g de proteína de alto valor biológico,

ou seja, que é facilmente absorvida pelo corpo.

Substitua BCAA por frango

O primeiro traz três aminoácidos essenciais (que o corpo não produz): leucina, isoleucina e valina. Mas eles também são encontrados na carne da ave, em cortes bovinos, peixe e quinoa.

Substitua LA por castanhas

O ácido linoleico, base do LA, é o responsável por acelerar a perda de gorduras, especialmente as que se concentram na região abdominal. Mas que tal trocá-lo por castanhas, azeite, linhaça, chia e peixes como salmão e atum, ricos na substância?

Substitua Caseína por iogurte desnatado

Por ser absorvido lentamente, o primeiro fornece proteína aos músculos até oito horas após o exercício. Assim, investir em outras fontes que também são absorvidas vagarosamente, como o próprio iogurte ou o leite de arroz, pode ser uma alternativa inteligente.

Substitua Albumina por clara de ovo

A albumina é uma clara de ovo desidratada, você sabia?Uma unidade da parte branca garante 11 g de proteínas, contra 12 g de três colheres (sopa) do suplemento.

Substitua Creatina por carne vermelha

Um bife grande assegura 1 g da substância. Considerando que a dose indicada é de 3 g, três porções da proteína já asseguram o recomendado.

Agora o que não falta é repertorio para você arrepiar na dieta, usar os alimentos ao seu favor e claro continuar com um treino focado. Dá para substituir os suplementos por alimentos e alcançar os seus resultados.

Não tem desculpa para não se motivar a seguir uma vida mais saudável, desde a alimentação até a rotina de treinos. Vamos nos alimentar bem, praticar exercícios físicos diariamente por uma saúde  melhor e conseguir bater as metas com o nosso corpo.

Já sabe, se gostou compartilha com os amigos e comenta ai como está indo seus treinos. Até o próximo post, com mais dicas para você ficar cada vez mais fitness!