Alimentação para Hipertrofia: Dica de Como Fazer

0
Alimentação para Hipertrofia
Alimentação para Hipertrofia

Se você estiver treinando até a fadiga sem alcançar resultados, pare e pense. Algo está falhando. Reflita e veja se não está faltando uma verdadeira alimentação para hipertrofia? Descubra aqui como fazer.

Você sabe que alimentar-se bem e corretamente é um dos esteios do ganho de massa muscular, não sabe?  A alimentação responde pela maior parte da responsabilidade de crescer músculos. O treino com pesos que você faz na Academia é extremamente necessário, porém nada pode sozinho.

Alimentação para Hipertrofia: Saiba por que é importante

Está se perguntando porque este aspecto é importante? Saiba que é através do alimento que os músculos conseguem a matéria-prima de seu desenvolvimento. Tudo que você come deve ser bem planejado. Deve fazer parte de um plano alimentar programado especialmente para você.

Não fique pensativo, nem estressado, se sua dieta não está te ajudando. Você pode sair dessa sem demora. Basta começar a entender como se faz uma alimentação para hipertrofiar. E nisso, nós podemos te auxiliar.

Como fazer uma alimentação para hipertrofia?

Quem quer músculos de aço, volumosos e perfeitos, deve saber que não basta fazer musculação e se empenhar somente na academia. Tem que caprichar também na forma de comer. Não há nada melhor para fazer crescer músculos do que comer.

Ah! Mas, espera aí!  Não é comer qualquer negócio não. Amigo, podemos te dizer que para obter o que você quer, vai ter que aprender a escolher seus alimentos. E para isto você precisará ficar por dentro dos principais nutrientes que servem de sustento ao corpo.

Sabe qual é a maior prova de que alimento é importante? Sãos os bodybuilding, com sua dieta equilibrada.  Não é à toa que eles dão imenso valor ao que se deve ou não comer, aos horários e tipos de alimento. A gente vai observando e aprendendo com eles.

Dicas para Hipertrofiar

Saber como fazer para que a rotina alimentar seja uma aliada, não é tão difícil quanto você pensa. Olha aí, uma porção de truques, dicas e sugestões bacanas.

De Quantas Calorias você Precisa para Hipertrofiar

Para crescer a musculatura, é preciso ganhar mais do que se gasta. A ingestão deve ser de 300 a 500 calorias a mais do que sua necessidade calórica normal.

Alimentação para Hipertrofia exige proteína em primeiro lugar

As proteínas são aqueles nutrientes que ninguém cansa de falar nelas. Mas, existe uma forte razão para isto. São as protagonistas da hipertrofia. Já viu crescer músculo sem proteína? Impossível, não é?  Por isto, capriche na hora de fazer suas escolhas alimentares. Escolha proteínas.

Veja o que especialistas da nutrição, fisiculturistas e orientadores físicos dizem das proteínas:

Proteínas são extremamente necessárias porque constroem músculos. E reparam microlesões. A porção recomendada gira em torno de 2 gramas por cada quilo de peso corporal.

Sua distribuição deve ser pelas 6 ou 7 refeições diárias. Se fizer isto, terá energia no decorrer do dia, pois força e disposição não faltarão. Além disso, com uma boa carga proteica seu corpo terá maior disponibilidade do nutriente para que o desenvolvimento aconteça.

No Pós-treino toda atenção é pouca. Veja as dicas para estes momentos:

  • Os sucos e shakes são opções excelentes. Eles são fáceis de ingerir e concedem energia rápida ao organismo;
  • Após terminar o treino, você precisa de urgência de carboidratos e proteínas. Os carboidratos que você consumir nesta hora servirão para repor o glicogênio, que é sua reserva energética. Eles também farão elevar a taxa insulínica. Com a insulina em alta, mais estabilizadas ficam as fibras musculares;
  • Carboidratos – Melhor são os complexos Possuem absorção mais vagarosa, mas fornecem uma energia maior e muito mais Muitos alimentos poderão fazer parte desta lista, em especial os cereais integrais;
  • Vitaminas e minerais – são chamados de micronutrientes, mas seu potencial em ajudar seu corpo é grande. Para incluí-las passe a aumentar a porção de frutas, legumes e verduras. As porções que devem ser consumidas são: Legumes (5 porções) e Frutas (de 2 a 4 porções diárias);
  • As gorduras também farão parte de sua refeição.

É certo que precisamos de gorduras, mas quais? Nem todas são boas para a saúde. Temos que escolher as que fazem bem e as que não engordam. Mas, para quê gorduras?

Saiba que sua atuação é o inverso das gorduras hidrogenadas. Elas cooperam com a queima de gorduras do corpo. Entre as gorduras mais saudáveis estão os ácidos graxos ômega 3 e 6.

Dicas de Alimentação para Hipertrofia
Dicas de Alimentação para Hipertrofia

 

Como fazer uma alimentação para hipertrofia: Quais alimentos escolher:

Ponha em seu cardápio mais saúde e muita energia. Alimente-se bem para treinar melhor.

Proteínas Carboidratos Gorduras
Ovos Pães integrais Azeite de oliva extravirgem
Clara de ovo Macarrão integral Abacate
Frango Milho Nozes
Leite Aveia Óleo de linhaça
Peixes Arroz integral Amêndoas
Carne bovina Batata doce Amendoins
Queijo tipo Cottage Quinoa Salmão
Peito de peru Feijão Atum

 

Saber fazer uma alimentação para hipertrofia envolve também não cometer erros. Veja algumas dicas para não colocar a perder todo o seu esforço nos treinos:

  • Nunca exclua nutrientes;
  • Se for preciso, troque, mas não exclua;
  • Se você não consumir os alimentos em quantidade suficiente, seus músculos nunca crescerão. Muita gente tem medo de comer. Saiba que o ideal é comer a mais e gastar menos;
  • Se alguém te disser para não comer carboidratos, não acredite! Eles são relevantes para fazer com que os músculos cresçam. Os carboidratos complexos devem ser seus preferidos. Os carboidratos simples também são necessários, mas em menor quantidade;
  • Evite açúcar. Ah! Este sim é o senhor vilão da hipertrofia, do emagrecimento, da definição. Portanto, não ponha açúcar em excesso em seu programa de alimentos
  • Faça sua alimentação ser saudável. Sem fritura e sem gordura;
  • Cuidado com a fase de Bulking. Esta é uma fase a qual muita gente recorre para ganhar massa. Ela é útil, mas você deve saber estabelecer o limite. Entrar nesta fase e não conseguir sair dela é muito ruim.

O ideal é ganhar massa nem um determinado período, sem adquirir muita gordura excessiva e depois iniciar a etapa de perda de gordura, para que a musculatura apareça. De que adianta músculos lindos e imensos, encobertos pela gordura corporal? Portanto, se for aderir à esta prática cuide-se. Fique esperto

Alimentação para hipertrofia não é tão complicada quanto parece. Com boas informações você pode avançar em seu projeto de hipertrofiar. Também é válido solicitar a um Nutricionista que dê uma olhada no seu plano alimentar.

Isto pode te trazer mais segurança. Pois estes profissionais fazem dietas individualizadas, conforme suas condições físicas e suas necessidades.

Agora que você já tem boas informações sobre como fazer Alimentação para hipertrofia, comece a experimentar. E não esqueça de fazer seu comentário. Nós aguardamos ansiosos por sua participação.